Bem vindo!

Entenda tudo sobre o mundo das milhas
E descubra como lucrar mais.

Nenhum comentário

Como as companhias têm se comportado devido à crise de combustível


Já era de se esperar que a crise de combustível, que afetou todo o país nos últimos dias, também chegaria às companhias aéreas e aos brasileiros que pretendem vender milhas.
Com os reajustes no preço do petróleo e a valorização cambial devido ao uso de querosene na aviação, as companhias vêm passando por dificuldades para controlar as contas. Essa situação obrigou as empresas de aviação a organizarem um plano de contingência e algumas até aumentaram suas tarifas.
Uma das saídas que as empresas têm encontrado para não elevar demais os preços das passagens aéreas e minimizar o impacto para os clientes é o investimento em aeronaves com consumo mais baixo de combustível.
 

Quais foram os procedimentos adotados pelos aeroportos e linhas aéreas?

 
Pelo menos 10 aeroportos brasileiros precisaram atrasar ou cancelar parte de seus voos, chegando a mais de 60 cancelamentos.
A orientação dada aos passageiros pela ABEAR (Associação Brasileira de Empresas aéreas) foi entrar em contato com suas respectivas companhias aéreas antes de se deslocarem até o aeroporto para saber a situação de seu voo.
Algumas companhias deram aos passageiros o direito de remarcar suas passagens sem custo. Outras não cobraram taxas em voos domésticos que passaram pelas cidades de Aracaju, Brasília e Recife durante a crise de combustível, cujos aeroportos foram os mais afetados.
A ABEAR destacou que a aviação comercial segue padrões de segurança rigorosos, principalmente em relação à quantidade de combustível necessário para cada voo.
 

Como o mercado para vender milhas pode ser impactado?

O mercado de compra e venda de milhas movimenta mais de R$ 500 milhões ao ano e pode ser diretamente impactado com a crise de combustível, uma vez que os voos podem sofrer alterações a qualquer momento.
 

 
Por isso, para quem deseja vender milhas é preciso ficar atento às atualizações dos voos das companhias aéreas. Além disso, se suas milhas estão prestes a expirar, procure vendê-las o quanto antes para não perder a oportunidade de fazer negócio.
Já para quem costuma comprar passagens com milhas, é importante se certificar se os horários dos voos estão mantidos ou, se houver alguma alteração, procurar se informar se as milhas continuam valendo para a troca do voo.
 

Vale a pena vender milhas durante a crise de combustível?

Mesmo tendo afetado parte do transporte aéreo, a crise de combustível não chegou a ser suficiente para fazer com que os brasileiros deixassem de viajar de avião. Até mesmo porque muitos tinham compromissos de trabalho inadiáveis.
Mas, mesmo assim, vale ressaltar que a indicação dada aos consumidores que possuem milhas acumuladas e estão esperando a “situação melhorar” para obter preços melhores por elas continua sendo vendê-las.
Com a alta no preço das passagens aéreas de algumas companhias, muitos passageiros estão buscando formas de ter descontos e pagar menos na hora de emitir seus bilhetes, e a compra de milhas é uma boa opção.
Para vender milhas de forma rápida e segura, entre em contato com a HotMilhas, faça uma cotação e conheça nossas duas formas de compra de milhas: pagamento antecipado e pagamento agendado!

Posts relacionados

Como planejar o acúmulo de milhas para ganhar aquela renda extra

Como planejar o acúmulo de milhas é essencial para conquistar a renda extra no mês, é importante saber quais ações devem ser tomadas para juntar…

Validade das milhas: cuidado para não expirar as suas

Quem não se atenta para a validade das milhas está perdendo a chance de ganhar aquela renda extra tão esperada no mês As milhas são…

Qual o melhor cartão de crédito para 2021: veja agora e peça o seu

Para ter o melhor cartão de crédito, você deve se atentar às suas necessidades e objetivos, assim a sua decisão será mais certeira, benéfica e…

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

COTAR AGORA