Blog

Cotação em 1 minutoem seu e-mail

Sua cotação em 1 minuto

Quero vender minhas milhas:

Veja nossa Política de Privacidade.

Entenda tudo sobre o mundo das milhas
e descubra como lucrar mais

Blog

11 Apr 2017

6 dicas para reduzir gastos diários e economizar

Você tenta e tenta economizar, mas, quando chega o final do mês, não sobra quase nada? Já não sabe mais o que fazer para otimizar o orçamento? Não se desespere!

Uma redução dos gastos diários pode ser a peA�a-chave que estava faltando para que você consiga realmente economizar. Afinal, sem que a gente nem sequer perceba, um cafezinho aqui e uma blusinha nova ali vôo se acumulando, e o resultado você já conhece: quando chega o final do mês, não sobra quase nada.

Mas, para diminuir de verdade seus gastos diários, é necessário entender exatamente seus hábitos e seu estilo de vida, além de implementar novas rotinas para que a economia torne-se parte do seu cotidiano.

Quer ficar por dentro do assunto e aprender de vez a reduzir seus gastos diários para, finalmente, conseguir juntar dinheiro e estabilizar suas finanças? Então, continue a leitura e mãos é obra!

1. Conheça suas finanças

Antes de mais nada, é precisoinvestigar a fundo suas atuais finançaspara, então, saber exatamente o que deve ser cortado.

Para tanto, mantenha um registro de todas – absolutamente todas – as suas despesas, desde a conta de luz, a mensalidade da academia e o café da manhã na padaria da esquina.

Nada fica de fora, permitindo que, com o passar do tempo, você tenha uma ideia cada vez mais completa de para onde seu dinheiro está indo. De posse dessas informações, analise quais setores (alimentação, lazer, transporte etc.) geram mais gastos e, então, pense em como você pode diminuir esses valores.

2. Tenha um orçamento doméstico bem definido

Agora que você sabe para onde seu dinheiro vai todo mês, é hora de colocar no papel tudo o que é realmente fundamental para seu orçamento doméstico.

Academia, escola e alimentação, por exemplo, sãogastos fixos e fundamentais. Entretanto, mesmo nesses casos, você pode pesquisar opções mais baratas. Outra alternativa, para não comprometer a qualidade do ensino das crianças, por exemplo, é tentar conseguir bolsas de estudo.

Sabendo todas as despesas fundamentais que você tem no mês, fica mais fácil reavaliar todo o resto e, então, reduzir os gastos diários e conseguir economizar.

3. Reavalie seu padrão de vida

Ao longo dos anos, nos acostumamos com o padrão de vida que levamos. Isso é natural e compreensA�vel! Entretanto, pode ser um grande obstA?culo para quem quer dar um jeito definitivo nas finanças e conseguir economizar mais.

TA?xi o tempo todo, um carro de luxo, frequentes almoçose jantares em restaurantes badalados. Esses e outros hábitos não combinam com o orçamento bem definido que explicamos no tA?pico anterior.

Você quer mesmo economizar, revolucionar suas finanças e aprender a gastar melhor? Quer tirar aquele sonho do papel? Então, você terá que fazer alguns sacrifA�cios.

É claro que você não precisa deixar todo o lazer e conforto de lado. Mas que tal trocar o restaurante do momento por aquele restaurante de comida caseira perto de casa? Ou o tA?xi pelo transporte público?

Logo, logo você vai perceber a enorme diferença que essas mudanças de estilo de vida ocasionarA?o no seu orçamento e em suas economias.

4. Torne a economia parte da rotina

É importante ressaltar que não sãoapenas mudanças nos seus hábitos de consumo que levarA?o a uma maior economia. Para reduzir os gastos em longo prazo e manter o orçamento sob controle, é fundamental repensar também atitudes cotidianas que fazem toda a diferença.

Dessa maneira, banhos demorados, dormir com a televisão ligada, deixar lâmpadas acesas sem ninguém estar no cômodo, entre outras práticas, está terminantemente proibido.

Assim como comprar todas as ofertas que você vá pela frente no supermercado, apenas para deixar as frutas apodrecerem na geladeira e os pacotes de biscoito perderem a validade dentro do armA?rio, sem que ninguém os tenha sequer aberto.

Considere, também, que atitudes como lavar a calçada com mangueira auxiliam não apenas a economia, mas o meio ambiente! Ah, e sabe quando você deixa os aparelhos eletrônicos desligados, mas ainda em modo stand by? Eles continuam gastando energia! Portanto, desligue televisores, micro-ondas e aparelhos de DVD da tomada quando você não os estiver utilizando.

5. Invista no acúmulo de milhas em programas de fidelidade

Opa! Aqui está uma dica importantàssima e muito prática, na qual você provavelmente ainda não havia pensado.

Considere o seguinte: mesmo em “modo economia”, você ainda realizarA? compras ocasionalmente, não é mesmo? E continuará utilizando ocartão de crédito, correto? Então, que tal unir o útil ao agradA?vel e economizar enquanto compra?

Isso é possível por meio do acúmulo de milhas em programas de fidelidade que, depois, podem ser vendidas para gerar uma renda extra. Portanto, descubra a qual programa de fidelidade seu banco é filiado e, então, passe a dar preferência às compras nos estabelecimentos parceiros do programa, para acumular cada vez mais pontos.

além disso, não se esqueça de sempre usar ocartão de crédito vinculado ao programa, aumentando ainda mais a quantidade demilhas acumuladas. Em seguida, basta vendê-las de modo online, rápido e seguro – e olá dinheiro extra!

 

6. Evite compras parceladas

O parcelamento das compras é, sem dA?vida alguma, um dos maiores inimigos da economia. Afinal, aquelas tentadoras parcelas baixinhas vôo se acumulando cada vez mais e, quando você percebe, está diante de uma fatura gigantesca.

Da mesma maneira, quanto mais tentadora a parcela, mais juros você terá pago quando finalmente terminar de quitar o produto! Com isso, um smartphone adquirido na promoção pode sair até mesmo pelo dobro do preço que você teria pago é vista.

Portanto, para reduzir gastos diários e economizar, não tem outro jeito: guarde o dinheiro mês a mês para poder comprar o item em questão é vista. além disso, dessa forma, você tem a chance de tentar conseguir algum desconto em cima do valor integral do produto.

Consequentemente, você diminui as chances de comprar por impulso, pois pensarA? duas (ou trA?s, ou quatro) vezes antes de ceder é tentação.

Pronto para incluir nossas dicas na sua rotina, reduzir de vez os gastos diários e conseguir economizar? Tem outros amigos e colegas na mesma situação que você? Então, compartilhe este post nas suas redes sociais e ajude-os!

Posts relacionados

Comentários