Blog

Cotação em 1 minutoem seu e-mail

Sua cotação em 1 minuto

Quero vender minhas milhas:

Veja nossa Política de Privacidade.

Entenda tudo sobre o mundo das milhas
e descubra como lucrar mais

Blog

17 Aug 2017

Descubra como usar suas milhas para evitar juros no cartão

Seu cartão de crédito não precisa ser seu inimigo. Muito pelo contrário. Quando você faz uso dele como aliado, evitando os juros no cartão, consegue encontrar alternativas interessantes para fazer seu dinheiro render mais.

Parece loucura? Pois saiba que não é. O número de endividados no país vem crescendo nos últimos anos, chegando a quase 60 milhões de pessoas, e isso tem muito a ver com o mau uso do cartão de crédito.

Isso não precisa ser assim, pois se você entender melhor como esse recurso pode e deve ser acionado, suas chances de fazer bons negócios e gerenciar melhor sua vida financeira aumentam.

Por isso preparamos essa série de dicas. Confira.

Venda suas milhas

Participando de um programa de fidelidade, você pode concentrar suas compras nas empresas parceiras para acumular pontos no cartão de crédito. Supermercados, postos de combustíveis e farmA?cias sãolugares onde as pessoas fazem compras recorrentes e que oferecem pontos.

Assim, somente substituindo as lojas em que você costuma comprar por outras que permitem esse acúmulo de pontos, você pode transformar seus gastos numa oportunidade derenda extra.

Como isso? Convertendo os pontos obtidos em milhas e procurando por empresas autorizadas para vendê-las.

Com o dinheiro obtido você pode ter uma série de benefícios, inclusive podendo quitar de uma vez por todas suas dívidas bancárias.

Evite dívidas com o banco

O problema de você se endividar com o banco é que sua dívida se dará sob juros compostos, ou seja, assim que você entra no vermelho, a instituição bancária libera um valor para você quitar suas pendências, mas em contrapartida, cobra, diariamente, juros sobre juros desse valor emprestado.

Isso faz com que em menos tempo do que você imagina, essa cobrança fique cada vez maior a ponto de sair completamente do controle, caso você não tome uma atitude.

Sendo assim, a dica mais importante é: procure evitar dívidas. Tenha uma gestão segura do seu dinheiro evitando ficar no vermelho por conta do mau uso do cartão de crédito.

Refaça sua educação financeira

É importante que seus hábitos sejam favorA?veis ao seu desenvolvimento financeiro. Sem isso, mesmo ganhando bem, dificilmente você conseguirá evitar que os gastos comprometam a sua renda. Por esse motivo, nada melhor do que pensar na reeducação financeira.

Comece catalogando suas receitas e despesas. Tornando racional essa prática, você terá parA?metros para rever hábitos diários como de gastos desnecessários.

É possível fazer isso da maneira mais tradicional, usando papel e caneta, mas também, caso você seja muito atarefado, usando aplicativos financeiros para smartphones. Com eles você consegue automatizar esse processo e facilitar sua vida.

Estabeleça regras

A melhor maneira para evitar dívidas no cartão de crédito é trabalhando com regras no dia a dia. Uma delas é destinar um terço do que ganha para prioridades financeiras, sejam elas o pagamento de dívidas ou investimentos.

Caso você esteja endividado, procure seu credor e negocie com ele de modo a inserir seus gastos mensais com essa despesa dentro desse terão. Em situações em que você deve ao banco, é possível buscar empréstimos com outras instituições que funcionam sob juros simples para se livrar dos juros compostos.

Se já estiver livre de dívidas, um terão da sua renda investido, no longo prazo, representará um diferencial para suas economias.

O importante é você saber exatamente o quanto pode gastar para que isso não atrapalhe a sua vida no presente.

Fique de olho no mercado

Talvez o grande viláo do consumidor seja a compra por impulso. Em boa parte das vezes, a pessoa sequer tem a necessidade de obter determinado produto, mas compra sem pensar duas vezes. Nesse caso, o ideal é que você reveja seus hábitos de compra.

A dica aqui é trabalhar com aplicativos de comparação de preço. Opções como o Buscapé, permitem avaliar as ofertas que diferentes lojas apresentam para um mesmo produto. além disso, com ele você tem um histórico de preços ao longo do ano, o que oferece um parâmetro interessante para você saber exatamente quais são as datas mais propícias para compras.

Outro aplicativo semelhante é o Zoom. Não deixe de ter uma alternativa dessas instalada no seu Smartphone. Isso pode evitar gastos desnecessários com o cartão de crédito e dívidas.

Coloque suas faturas no débito automático

Hoje já é possível contar com a tecnologia para amenizar os riscos com as despesas. é a opção pelo débito automático, que transfere o dinheiro do seu saldo bancário para determinada despesa sem que você precise ir até o banco. Esse é um grande benefício para pessoas que costumam se esquecer de suas obrigações.

Entretanto, é necessário cuidado para garantir que exista saldo o suficiente em sua conta para que seu limite não seja ultrapassado. Com já citado, se isso acontecer você passa a dever para o banco e as consequA?ncias disso tendem a não ser as melhores.

Com um mínimo de organização para que o valor da dívida esteja presente em sua conta, você quita suas pendências e evita atrasos.

Programe-se para evitar multas

Multas são gastos absolutamente desnecessários. Quando você se organiza adequadamente para lidar com suas despesas, elas dificilmente aparecerão.

Nesse caso, uma solução é trabalhar com o débito automático ou, caso não seja possível, tentar concentrar todas as despesas num único dia, para que você não corra o risco de se esquecer de alguma delas.

O ideal é que você tenha uma programação para suas despesas. Nesse sentido, reforçamos a indicação de um aplicativo de gerenciamento financeiro. Como boa parte deles pode ser baixada de maneira gratuita e a maioria das pessoas já conta com smartphones em sua dia a dia, não contar com uma solução desse tipo é um erro trivial.

Até mesmo os bancos facilitam sua vida com Apps que praticamente substituem os caixas eletrônicos. Não deixe de contar com eles.

Evite os juros rotativos

Os juros rotativos do cartão de crédito são, na verdade, uma opção que o consumidor tem para pagar sua dívida com o banco no prazo, caso não tenha condições de quitar a fatura é vista. Entretanto, esse financiamento da fatura não vem de graça. Junto dele, vem os juros, tudo o que você não quer para a sua vida financeira.

Esse empràstimo emergencial apresenta as taxas de juros mais elevadas do mercado, portanto, só faça uso dele em último caso.

Aprendeu a evitar juros no cartão? Então confira também como vender suas milhas!

Posts relacionados

Comentários