Entenda tudo sobre o mundo das Milhas e Viagens.

Na Hot Milhas a segurança está em primeiro lugar, mais de 1.000.000 pessoas aprovam no Facebook.

Blog

26 jul 2017

Aprenda a lucrar com a economia colaborativa

Se você nasceu antes da virada do século, certamente já percebeu como as coisas mudaram de lá para cá. Aquilo que antes era restrito a pessoas com alta renda, hoje já se mostra acessível para o grande público.

É o que ocorre no mundo do entretenimento, com o sucesso da Netflix e do Spotify, no transporte com o Uber e o Cabify e até mesmo no universo dos negócios com os espaços de coworking.

Essa mudança tem nome — chama-se economia colaborativa (ou compartilhada). Saiba mais sobre ela e como pode ser útil para você não somente como consumidor, mas também, e principalmente, como alguém que procura por renda extra.

O que é a economia colaborativa?

Normalmente, quando você precisa de algum produto ou serviço, você vai até a loja e paga para adquirir o bem. Em posse dele, o uso que será feito fica a seu critério, uma vez que você é o dono daquele bem.

Na economia compartilhada o que é negociado é o acesso ao bem e não a propriedade dele. Assim, quando você assina a Netflix, por exemplo, passa a ter o direito de assistir aos filmes mesmo sem ter comprado eles. O mesmo procedimento acontece com o AirBnb, em que você faz uso dos imóveis mesmo sem ser proprietário deles, e com o Uber, em que você usa os veículos mesmo sem ter os carros.

O que pode ser compartilhado?

Em tese, tudo. Desde que o proprietário se disponibilize a ceder o que tem, ainda que periodicamente, para o uso de terceiros.

É por meio desse raciocínio que você pode entender a economia compartilhada não somente como uma possibilidade de acesso a produtos e serviços de valor, mas também como uma oportunidade para ganhar dinheiro e, assim, reforçar seu orçamento no fim do mês.

Como ela se baseia no acesso, você só precisa ter algo interessante para oferecer que suas possibilidades de ganho começam a surgir.

Quais as possibilidades que eu tenho de lucrar?

Você pode usar um espaço dentro da sua própria casa para ganhar dinheiro. Um diferencial do AirBnb é que ele permite não somente o aluguel de casas e apartamentos, mas também de quartos ociosos.

Assim, você pode ser pontual na resolução de problemas financeiros disponibilizando um cômodo na sua casa sempre que precisar.

Da mesma forma, você pode usar seu carro e o conhecimento que tem no trânsito de sua cidade para ganhar dinheiro como motorista da empresa Uber. As chances de você conseguir uma boa renda extra são grandes devido a uma série de problemas que, principalmente as grandes cidades apresentam: altos preços das passagens, lotação, atrasos, filas, entre outros que com carros particulares as empresas não enfrentam.

Existem outras alternativas?

Sim. A criatividade das pessoas é o grande trunfo da economia colaborativa. Além da disponibilização de imóveis e veículos você pode também oferecer uma série de outras opções às pessoas.

Com o Tripda, por exemplo, você divide a gasolina da viagem. Já o PetRoomie é um serviço que permite a você receber em casa os animais de estimação de quem sai para viajar. Também voltado para o cuidado de bichos, o Go Walk é um serviço que coloca você em contato com donos de animais que precisam de alguém para passear com seus pets.

Até mesmo para quem pretende ganhar dinheiro alugando ou vendendo roupas é possível utilizar o Enjoei, um serviço muito interessante e que funciona de maneira semelhante aos outros aplicativos, ou seja, aquele que oferece o serviço é avaliado de acordo com as impressões das pessoas que fizeram negócio anteriormente.

Posso usar um hobby para ganhar dinheiro?

Claro. Com o Dinner você pode oferecer seus serviços de gastronomia às pessoas e, assim, obter renda extra. Da mesma forma, se você mora numa cidade legal e gosta de servir de guia turístico, é possível usar o Rent A Local Friend, um App em que você pode colocar você mesmo à disposição do turista.

É a chance que você tem de compor a sua renda fazendo algo de que realmente gosta.

As possibilidades são infinitas, pois a cada dia surgem novas plataformas de economia compartilhada. É possível até mesmo prestar seus serviços como goleiro cadastrando-se no App Goleiro de Aluguel. Ideal para quem defende bem conseguir uma renda praticando seu esporte favorito.

Existem outras vantagens?

Existem. Uma dica interessante é usar o Heartbeat, um aplicativo voltado a praticantes de atividades físicas que atribui pontos para cada exercício realizado.

Na prática, você instala o App em seu celular e a cada êxito recebe como recompensa pontos para usar dentro de um programa de fidelidade. É uma maneira eficiente de se entrar em forma e, ainda, obter benefícios como consequência disso.

Além disso, programas de fidelidade também permitem mais vantagens, pois se você fizer uso do seu cartão de crédito em serviços de economia compartilhada que oferecem benefícios, como é o caso do Heartbeat, você poderá acumular mais pontos em menos tempo.

Em serviços como o Uber, o MyTaxi e o Cabify, você não precisa andar com dinheiro vivo para pagar a carona. Basta fazer a solicitação via celular que o dinheiro será repassado ao motorista do seu saldo no App. Isso permite que você utilize a opção crédito e acumule pontos.

Por que acumular pontos pode ser vantajoso?

Porque quando você acumula pontos num programa de fidelidade, pode convertê-los em milhas e vendê-las para uma empresa autorizada.

Isso permite a você ganhar dinheiro e, dependendo da quantidade de milhas que conseguir juntar, obter uma fonte interessante de renda extra.

Nesse caso, vale a dica: cadastre-se num grande programa de fidelidade de companhias aéreas (como o Multiplus, o Smiles, o Tudo Azul e o Programa Amigo) e comece a juntar pontos comprando no cartão de crédito.

Em seguida, converta-os em milhas e venda-as nos períodos de maior demanda por viagens aéreas. Transforme isso num hábito e garanta mais dinheiro para sua conta no final do mês.

Agora que você aprendeu sobre como ganhar dinheiro com a economia colaborativa, não deixe de compartilhar as dicas nas redes sociais!

Posts relacionados

Comentários

*