Entenda tudo sobre o mundo das Milhas e Viagens.

Na Hot Milhas a segurança está em primeiro lugar, mais de 1.000.000 pessoas aprovam no Facebook.

Blog

20 abr 2017

Venda de milhas: entenda como funciona todo o processo

 

Desde que os cartões de crédito se tornaram acessíveis para uma parcela maior da população, trocar os pontos acumulados em compras por milhas virou um hábito nacional. Os programas de fidelidade das companhias aéreas ganharam muitos consumidores, que aos poucos vão se acostumando com as regras.

Como toda novidade, às vezes, podem acontecer alguns contratempos, mas logo surge uma oportunidade de resolvê-los. É o caso da venda de milhas.

Já aconteceu de você acumular milhas por algum tempo na expectativa de realizar uma viagem, mas elas acabarem vencendo? No fundo, é um grande desperdício de dinheiro, não é mesmo?

Isso porque, recentemente, passou a ser possível negociar essas milhas de forma totalmente legal e segura por meio de sites de empresas especializadas. Qualquer pessoa pode vender e comprar milhas de forma muito simples. No post de hoje, vamos tirar suas dúvidas e explicar passo a passo como funciona o processo. Acompanhe!

A venda de milhas é legal?

Não há nada na legislação brasileira que vede a venda de milhas. Assim, predomina a autonomia da vontade, pois no direito privado algo só pode ser proibido se for por lei expressa.

Ainda que a empresa do programa de fidelidade impeça, no contrato, que o consumidor ceda suas milhas a terceiros, ela está obrigando o usuário a renunciar ao seu direito de dispor delas, mesmo que sejam de sua propriedade.

No entanto, como o consumidor as adquiriu pelo programa de milhas, quem dá a destinação que melhor entender é ele. Dessa forma, a cláusula do contrato é nula, porque implica em renúncia de um direito inerente ao próprio contrato.

É importante lembrar que os programas de milhagem têm custos para o consumidor, pois exigem compras e aquisição de produtos ou serviços. Por isso, o fornecedor não pode colocar uma cláusula que impede a venda, doação ou cessão no contrato.

Em resumo, o processo de venda de milhas não é ilegal. Não há nada nas leis brasileiras que proíba esse tipo de transação. Você pode, portanto, fazer essa negociação sem temer qualquer tipo de represália. É fundamental, porém, que você realize a venda por um site confiável.

Qual é o melhor momento para a venda de milhas?

A melhor forma de encontrar o momento ideal para a venda de milhas é analisar seus planos futuros de viagem. Quando você perceber que não vai embarcar antes da data de vencimento de suas milhas, já pode começar a fazer as cotações.

Assim, você tem a possibilidade de conseguir um valor melhor do que se deixar para perto da data final. Cada programa de milhagem tem o seu prazo, mas ele costuma variar de 12 a 36 meses.

Claro, há a possibilidade de você ter que viajar de última hora, mas mesmo assim é mais vantajosa a venda de milhas. Quando o consumidor precisa resgatar passagens a curto prazo, os companhias aéreas costumam cobrar uma grande quantidade de milhas. Além disso, alguns voos podem ter a capacidade de assentos promocionais esgotada, deixando o viajante na mão.

É importante ter sempre em mente que as milhas expiram. Não há motivo, porém, para você deixar que isso aconteça, pois é desperdício de dinheiro, puro e simples.

É sempre mais vantajoso vendê-las que gastar forçadamente com viagens, apenas para que elas não expirem. Veja como é simples o processo de venda de milhas.

Entenda o processo de venda de milhas

Cotação de milhas

O primeiro passo é muito simples. Você vai determinar o número de milhas que quer vender e também a qual programa elas pertencem. As opções são as disponíveis no mercado brasileiro de aviação comercial: Smiles (Gol), LATAM Fidelidade, Tudo Azul e Amigo (Avianca). Em seguida, você vai receber um e-mail com o valor oferecido pela sua proposta e, então, verá para quem vale a pena vender as suas milhas.

Cadastro no site

Caso você tenha ficado satisfeito com a cotação das suas milhas, o passo seguinte é cadastrar seus dados no site em questão. É importante lembrar que a cotação apresentada vale apenas por um dia.

Entre os dados solicitados está o seu telefone, para que seja feito um contato para a confirmação das suas informações e para quando for efetivada a venda das suas milhas ao comprador final. Pode ficar tranquilo, os dados são tratados com todo o sigilo.

Pagamento antecipado

Muitas empresas pagam antecipadamente pelas suas milhas, por meio de depósito bancário. Ou seja, só é necessário informar as senhas do programa de milhas após o dinheiro cair na sua conta bancária.

Para a concretização do processo, há alguns pequenos detalhes de como vender milhas que variam de companhia para companhia, mas sempre de forma segura.

Os procedimentos adotados no processo de negociação têm como objetivo dar segurança ao titular da conta do programa de milhagens. Eles servem, também, para que possamos continuar oferecendo a possibilidade de realizar o pagamento antecipado do valor negociado. Esse é, aliás, um grande diferencial em relação às concorrentes: você recebe no ato da venda.

Fechado o preço, a empresa escolhida vai usar as milhas para emitir as passagens aéreas na área de cliente do site do programa — ela será acessada com os dados fornecidos durante o processo. É importante ressaltar que muitas empresas garantem a segurança e o sigilo absoluto de todas as informações que são repassadas por você.

Agora que você já tirou todas as dúvidas e entendeu como funciona o processo de venda de milhas, avalie se você pode lucrar com as suas.

Procure qual é a melhor empresa para efetuar essa troca, um bom critério é avaliar o tempo de mercado e número de clientes cadastrados no site. Há empresas que trabalham com toda a comodidade de uma negociação totalmente online, sem que você precise sair de casa.

E, ainda, o dinheiro vai diretamente para a sua conta. Não há motivo, portanto, para você perder tempo e correr riscos esperando férias ou interesse em alguma viagem. Venda suas milhas e aproveite essa grande vantagem de ter uma grana extra quando bem entender!

Se quiser saber mais sobre milhas e afins, siga-nos no FacebookTwitter e Instagram!

Posts relacionados

Comentários

*