Blog

Cotação em 1 minutoem seu e-mail

Sua cotação em 1 minuto

Quero vender minhas milhas:

Veja nossa Política de Privacidade.

Entenda tudo sobre o mundo das milhas
e descubra como lucrar mais

Blog

23 Jul 2017

Pontos do cartão de crédito – Vale a pena vender?

Se você ainda tem dA?vidas a respeito da venda de pontos do cartão de crédito, a primeirainformação que precisa saber A�: essa prática é totalmente legal. Quando você acumulamilhas, seja no cartão de crédito seja no cartão específico de determinado programa de fidelidade, você torna-se dono delas, portanto, garante o direito de fazer o que quiser com esse bem.

Isso significa que vender pontos obtidos com o cartão de crédito pode sim ser uma fonte de renda extra, oferecendo vantagens muito maiores do que as obtidas na troca por passagens aéreas.

Quer saber quais sãoelas? Então, não deixe de acompanhar.

Poder vender pela internet

A internet é uma solução que veio para oferecer inúmeras facilidades para a vida das pessoas. Ela fornece entretenimento, conteúdo,informação, entre outros. Mas o que muita gente ainda não percebeu é o potencial que ela tem em relação às questões financeiras.

Isso se dá na forma como hoje é possível fazer movimentações bancárias, investimentos e, claro, compra e venda de produtos e serviços.

Neste aspecto, a venda demilhasaparece como um dos processos mais vantajosos para se fazer online. Basta ter os pontos acumulados e negociA?-los com uma empresa autorizada.

Participar de um processo legal

Como dito anteriormente, a venda de milhas é algo que ocorre dentro da lei, pois negociar um bem pessoal é um direito do consumidor. Esse mito de que vender milhas é uma prática ilegal tem origem nas empresas organizadoras dos programas de fidelidade. Para impedir que os participantes façam outro uso dos benefícios obtidos, elas tem tentado a todo custo inviabilizar a vendas de milhas.

Algumas empresas costumam inserir cláusulas em seus programas de fidelidade que proA�bem essa prática. Essas cláusulas sãoilegais. A empresa não pode proibir a pessoa de negociar um bem pessoal. além disso, comprar passagens aéreas em nomes de terceiros também é permitido, que é o que acontece quando você comercializa com empresas autorizadas.

O que garante esse direito do consumidor é o Código de Defesa do Consumidor. além disso, o Procon costuma atuar como aliado diante de qualquer ilegalidade cometida pelas empresas.

Pagar contas com os pontos do cartão de crédito

Se você tem encontrado problemas para lidar com os gastos mensais, a venda de milhas pode ser a solução. Independente da sua atual situação financeira, a venda dos pontos acumulados no cartão de crédito permite uma melhor gestão financeira.

Contas atrasadas, por exemplo, podem ser quitadas com as milhas vendidas. Uma dica, caso você esteja no cheque especial, é procurar o banco para renegociar.

Assim, pagando suas compras diárias com cartão de crédito, você obtém um recurso extra para apresentar ao banco uma alternativa para quitar a dA�vida. Isso vale para qualquer situação. Usando esse recurso, é possível diminuir os gastos e fazer seu dinheiro render mais.

Fazer investimentos

Muitas pessoas tem procurado por alternativas para fazer seudinheirorender. Como a Poupança, investimento mais tradicional do brasileiro, tem apresentado rendimentos abaixo da inflação nos últimos anos, a solução tem sido investir em outros fundos de renda fixa, como o Tesouro Direto, as LCIs e os CDBs.

Como nesse tipo de aplicação os rendimentos sesob a forma de juros compostos (diferente da Poupança em que os juros sãosimples), mesmo que o investidor deposite uma quantia pequena a cada mês, a tendA?ncia é que a longo prazo esses valores se acumulem a ponto de apresentarem resultados fantásticos.

Sendo assim, usar os pontos do cartão de crédito para essa finalidade, permite que você não precise sacrificar parte do seu salário para investir no futuro. Essa é uma solução inteligente que muitas pessoas tem encontrado para melhorar de vida.

Comprar itens necessários para o dia a dia

Boa parte dos produtos básicos do dia a dia consomem o seu salário e fazem com que os seus rendimentos não sejam o suficiente para arcar com todos os compromissos do mês. Sendo assim, por que não vender milhas e usar o dinheiro obtido para comprar esses itens necessários?

Se você fizer todas as compras possíveis no cartão de crédito em empresas parceiras de um único programa de fidelidade, conseguirá juntar uma quantidade enorme de pontos. Ao negociA?-los, você poderá ter dinheiro suficiente para garantir um bom tempo sem precisar se preocupar com gastos nosupermercado, por exemplo.

Essa pode ser a solução que você procurava para aliviar sua vida financeira sem deixar de ter o que precisa.

Ter liberdade para fazer o que quiser

Entre os inúmeros benefícios que os programas de fidelidade oferecem a seus participantes, existe também uma contrapartida. Eles limitam seus benefícios às possibilidades das empresas aéreas e de seus parceiros.

Isso significa que se você se interessar por fazer qualquer outro uso dos benefícios de sua participação no seu programa de fidelidade, você não conseguirA?.

Embora com a criação de parcerias com empresas de diferentes segmentos, o consumidor tenha obtido um maior leque de possibilidades, isso não significa que ele esteja plenamente contemplado com o que as empresas oferecem. Basta conferir nas situações anteriormente citadas, que existem motivos para se fazer outro uso das milhas, como vendê-las para pagar contas, investir e comprar produtos de sua escolha.

Poder decidir o que fazer com os pontos e milhas acumulados é um grande motivo para vendA?-los.

Planejar melhor as suas viagens aéreas

Até mesmo para quem participa de programas de fidelidade com o intuito de viajar, a comercialização das milhas obtidas nocartão de créditopode ser vantajosa. Ao acumular pontos e vender as milhas convertidas você pode ganhar um tempo maior para preparar a sua viagem sem ter que se preocupar com o prazo de validade delas.

Os principais cartões de crédito permitem entre um e três anos para o acúmulo de pontos, sendo assim, quando você vende suas milhas, consegue tempo extra mesmo quando o seu cartão não oferece tantas vantagens.

Ao programar sualua de mel, por exemplo, você pode ir acumulando pontos e vendendo até reunir dinheiro suficiente para bancar toda a viagem, incluindo voo, hotel e outros gastos.

Fazer bom uso do cartão de crédito

Por fim, é útil destacar a importância que a venda de pontos do cartão de crédito tem para a sua educação financeira.

Quando você deixa de usar o cartão de maneira não criteriosa e passa a enquadrA?-lo numa lágica de recompensas, o que ocorre é que a sua maneira de lidar com o seu dinheiro também se transforma.

É comum ver pessoas que participam de programas de fidelidade alterando sua rotina para obterem melhores resultados. Dessa forma, se gosta de frequentar com amigos estabelecimentos parceiros de seu programa, experimente dividir a conta recebendo em dinheiro vivo a parte dos amigos e usando o seucartão de créditopara acertar com o estabelecimento. Assim você acumula mais e não sai no prejuízo.

Mas lembre-se de ter responsabilidade no uso do cartão: jamais gaste mais do que suas possibilidades. Procure se organizar para evitar ficar no vermelho. Você pode instalar um app de gerenciamento financeiro em seu celular para te ajudar nessa tarefa. OGuia Bolsoe oWally+àsão excelentes opções gratuitas.

Já possui muitos pontos no cartão de crédito? Então não perca tempo, entre agora mesmo emcontato com a gentee negocie conosco!

Posts relacionados

Comentários