Blog

Cotação em 1 minutoem seu e-mail

Sua cotação em 1 minuto

Quero vender minhas milhas:

Veja nossa Política de Privacidade.

Entenda tudo sobre o mundo das milhas
e descubra como lucrar mais

Blog

02 Jan 2017

Como os programas de milhas ajudam brasileiros durante a crise?

O cenário econômico nacional não anda muito animador. A dificuldade financeira que o país atravessa tem causado impactos diretos no bolso da população. O preço de alguns produtos e serviços subiu e as contas não param de chegar, complicando ainda mais a vida do trabalhador. porém, com a criatividade e o jogo de cintura doA�brasileiro, várias estratégias práticas e acessíveis a qualquer um tem surgido na hora de superar esse momento de provações. Uma delas é o uso dos programas de milhas oferecidos por bancos, cartões de crédito e companhias aéreas, que garantem uma série de vantagens aos seus usuários.

Os clientes fidelizados nesses programas acumulam pontos e milhas a partir de gastos do diaA�aA�dia, do uso do cartão de crédito e da compra de passagens aéreas. Essa pontuação pode ser substituída por uma série de benefícios, como produtos e serviços ou novas passagens aéreas, e ainda podem ser vendidos e transformados em dinheiro.

Dessa forma, os clientes conseguem fazer das suas despesas uma fonte de lucros, ajudando a complementar a renda e a realizar sonhos mesmo diante de um cenário econômico instável.

Para saber mais sobre essa forma de economizar, continue lendo nosso post e aprenda de vez tudo sobre os programas milhas, como acumular estrategicamente e como transformar sua pontuação nos melhores benefícios para você e sua família!

O que são os programas de milhagem?

Osprogramas de milhageme de fidelidade sãoestratégias de relacionamento de companhias aéreas em parceria com cartões de crédito, bancos e uma ampla rede de lojas varejistas. Nesses programas, o participante acumula milhas (ou pontos) cada vez que adquire um produto da rede de parceiros, usa o crédito ou compra um bilhete aéreo.

A melhor forma de acumular milhas com mais agilidade A�comprando passagens aéreas, uma vez que as milhas sãodadas de acordo com o trajetoA�comprado pelo cliente. Assim, quanto mais viaja, mais milhas o cliente tem em sua conta.

Quando alcança um determinado número de milhas, o cliente pode trocá-las por descontos ou por bilhetes integrais de voos para destinos nacionais ou internacionais, adquirir produtos na rede de fidelidade que envolve farmA?cias, hotéis, postos de gasolina, livrarias e vários outros estabelecimentos. Se preferir, o cliente ainda pode vender suas milhas para uma empresa especializada em compra e venda, transformando seu saldo de pontos em dinheiro, que poderá ser usado da forma como quiser.

Participar de um programa de milhagem é bem simples: basta escolher uma companhia aérea, acessar o site da empresa e fazer um cadastro. Ao final do processo, é gerado um número de fidelização seu, que deverá ser fornecido a cada compra de passagens ou produtos em lojas parceiras para que os pontos sejam computados. Muitas vezes, o número do CPF também serve para que essa operação seja feita.

O procedimento é parecido quando você for utilizar os cartões de crédito. Você precisa entrar em contato com seu banco e verificar se seu cartão já está cadastrado em algum sistema de acúmulo de pontos. Se sim, toda vez que você usá-loo os pontos serão contabilizados. Posteriormente, você deverá apenas transferir seus pontos para milhas.

Os principais programas de milhagem pertencem às mais conhecidas companhias aéreas brasileiras. De acordo com os benefícios e caracteràsticas de cada uma o cliente deverá escolher aquela que mais se encaixa ao seu perfil. As opções são o Programa Smiles, da GOL; o Multiplus, da TAM: o Amigo, da Avianca; e o TudoAzul, da Azul.

A melhor estratégia é se afiliar apenas a um ou a poucos programas de milhagem, porque assim você concentra seus gastos em uma companhia aérea e acumula milhas com mais agilidade, o que facilita na hora do resgate. Por isso, procure sabercomo funcionam os principais programasequal é o melhor para você.

Como é feita a troca dos pontos?

Logicamente, antes de trocar as milhas você precisa acumulá-las com a compra de passagens aéreas, de produtos da rede de fidelidade ou pela transformação de pontos de cartões de crédito em milhas. Para você entender melhor, vamos por passos!

Trocando os pontos do cartão de crédito por milhas

Como mencionado, praticamente todos os bancos tem programas de fidelidade vinculados às bandeiras de cartão de crédito. Dessa forma, cada vez que você utilizaA�o crédito para compras ou pagamentos, pontos sãoacumulados.

Nesse sistema, os pontos podem ser convertidos em milhas no programa de fidelidade atrelado ao cartão no qual você é cadastrado. Usualmente, essa conversão pode ser feita por Internet Banking ou por telefone, de maneira bem rápida e segura. Alguns cartões já oferecem milhas diretamente no programa de fidelidade, sem precisar converter os pontos. Para saber mais sobre as regras, condições e valores dessa operação, consulte seu banco.

além disso, as companhias aéreas também tem seus próprioscartões de fidelidade, que trazem uma série de benefícios aos seus clientes e que, geralmente, oferecem mais milhas por trecho de voo comprado do que o cartão de crédito de bancos.

Muita gente faz confusão na hora de falar em milhas e pontos. é importante você saber que alguns programas, como TudoAzul e Multiplus, não trabalham comA�”milhas”, e sim com “pontos”. Ou seja, com a Azul e TAM, você acumula pontos, queA�correspondem às “milhas” dos outros programas de fidelidade. Não confunda osA�pontos das companhias aéreas com os pontos do cartão de crédito. Assim, quando a gente estiver falando em milhas, também nos referimos aos pontos desses programas. além disso, você agora já sabeA�que os pontos do cartão poderáoàser convertidos em milhas ou pontos dos programas de fidelidade.

Trocando as milhas por benefícios

Agora que já tem milhas, você pode resgatá-las, trocando seu saldo por produtos, serviços ou dinheiro. A troca é simples. Nas compras online nos sites de lojas da rede de fidelidade, assim que você compra o valor é abatido no seu saldo de milhas. O mesmo acontece quando você compra em lojas físicas. São inúmeras opções de produtos como eletrodomésticos, celulares, móveis, computadores e etc.

Outra opção é usar as milhas na compra de passagens aéreas, usufruindo de descontos ou conseguindo o bilhete completo. O número de pontos necessários para a troca por passagens aéreas depende do trecho desejado, e cada trajeto tem o valor de milhas alterado de acordo com a época e a antecedência da compra. No Multiplus, por exemplo, uma passagem para América do Norte sai por no mínimo 20 mil milhas.

Uma boa opção que tem agradado muita gente, especialmente na época de crise, é a venda das milhas. Para aqueles que não querem ou não podem viajar, ou ainda que avaliaram que comprar um trajeto com dinheiro é mais econômico do que com pontos, a venda das milhas é ideal. Afinal, o dinheiro obtido na venda das milhas pode ser gasto como o cliente preferir, o que aumenta as possibilidades de uso em relação às opções oferecidas pelos programas de milhagem.

20 cartões de crédito com acúmulo de pontos

A grande maioria dos cartões de crédito está vinculada a programas de fidelidade e acontece muitas vezes de o usuário estar acumulando pontos sem nem saber. Por isso, confira junto ao banco se você já está associado a um programa de fidelidade em funcionamento e acompanhe seu saldo. Caso não faça parte, cadastre-se em um.

É importante saber que diferentes cartõespontuações diferentes em relação é quantia gasta. O cA?lculo é feito a partir do valor despendido em compras ou pagamentos, em que o equivalente a 1 dólar gasto gera entre 1 e 2,2 pontos.

A pontuação básica de cartões mais comuns é de 1 dólar = 1 ponto. Esse é o caso de cartões como:

  • Itaucard 2.0 Internacional e Nacional
  • BB Ourocard Visa e Master
  • Bradesco Visa e Mastercad
  • HSBC Open Card
  • Caixa Gold
  • Citi Aadvantage International.

Os cartões versão Platinum e Gold, de diferentes bancos e bandeiras, oferecem entre 1,2 e 2 milhas por dólar gasto. Aqui entram os cartões específicos das companhias aéreas, como por exemplo:

  • Bradesco Smiles Internacional;
  • Bradesco Smiles Gold;
  • Bradesco Visa Platinum;
  • HSBC Platinum e Advance;
  • BB Ourocard Platinum;
  • BB Smiles Gold;
  • Tudo Azul Itaucard 2.0;
  • Tam Itaucard 2.0.

Os cartões que mais pontuam sãoaqueles que também exigem uma anuidade maior. A pontuação é de 2 a 2,2 milhas por dólar gasto. EstA?o nessa seara os cartões:

  • Itaucard Black;
  • BB Smiles Platinum;
  • Bradesco Mastercard Black;
  • Caixa Visa Infinite.

Trocando os pontos de forma estratégica

Para aproveitar melhor seus pontos e milhas, você pode seguir algumas estratégias que vôo assegurar mais benefícios.

De olho na data de vencimento das milhas

O primeiro cuidado é ficar atento é data de validade das milhas. Muitas pessoas não sabem, mas elas tem umprazo de vencimentoe o cliente perde o direito a usá-loas após sua expiração.

Por isso, você deve usar desse prazo ao seu favor. Por exemplo, imagine que você tem pontos no programa de fidelidade do cartão de crédito e eles vencem em 2 anos. Espere a data de expirar se aproximar e transfira esses pontos para o programa de milhas. LA? elas terão mais 2 anos de validade, ou seja, no total suas pontuação terá validade de 4 anos. Isso ajuda na hora de prolongar o tempo de uso dos pontos e das milhas!

Troca por produtos e serviços

As milhas podem ser trocadas apenas por produtos e serviços oferecidos na rede de parceiros do programa de fidelidade, o que faz com que as opções de compra fiquem restritas. além disso, os preços praticados por essas empresas podem ser menos vantajosos que os preços do mercado – um celular em milhas, por exemplo custa bem mais que um celular comprado com dinheiro.

Por isso, na hora de trocar é preciso fazer os cA?lculos e avaliar o que vale mais a pena. Use a internet a seu favor, pesquise preços, compare e avalie o que é melhor para o seu bolso!

Troca por descontos e passagens aéreas

Uma dA?vida comum dos clientes fidelizados é identificar a hora de adquirir passagens aéreas.É melhor comprar e acumular mais pontos ou usar as milhaspara conseguir um trecho “de graça”? Para responder a questão e agir estrategicamente, é preciso fazer as contas!

Geralmente, o valor de 10 mil milhas pode ir de R$ 200 até R$ 400, dependendo do programa de milhagem. Se levamos esses números em consideração, podemos estabelecer uma média de R$ 250 a cada 10 mil milhas para fazer as contas.

Agora, siga os passos: primeiro descubra o valor do trecho cobrado pela companhia aérea, depois descubra quanto é o mesmo trecho em milhas. Na sequA?ncia, faça uma regra de 3 para descobrir qual é o valor em dinheiro desse trecho cobrado em milhas. Por último, compare os valores!

É muito comum que o valor da passagem em dinheiro seja mais vantajoso que o valor em milhas, principalmente quando se trata depromoções aérease de viagens programadas com antecedência.

Outras estratégias no resgate de milhas

OutrasA�regrinhas básicas paraA�ganhar mais com suas milhas sãoÉ monitorar constantemente seu saldo, acompanhar as promoções oferecidas pelos programas de fidelidade, priorizar a compra em lojas parceiras da rede (que podem ser conferidos no site dos programas) e utilizar o cartão de crédito nos momentos certos.

Mas atenção, aqui vale um lembrete: você precisasaber usar o cartão de crédito! Não adianta comprar indiscriminadamente apenas para acumular pontos e milhas e depois não conseguir pagar a fatura e ficar endividado.

Avalie nos momentos da compra a melhor forma de pagamento. Caso não tenha desconto na aquisição do produto é vista, usar o crédito pode ser uma boa opção! No mais, fique de olho com caderninho, lápis e calculadora em mãos avaliando suas melhores chances de faturar!

Venda milhas e recupere seu dinheiro

O que pouca gente sabia até algum tempo atrês é que o mercado de milhas já extrapolou as redes de fidelidade e agora é possívelvender as milhas e obter um retorno financeiro em dinheiro. Já pensou em chegar no final do ano, trocar suas milhas por dinheiro e comprar todos os presentes de Natal sem se preocupar com dA�vidas? Ou levar a família para a viagem de férias em uma praia bem bonita e sossegada?

Essa é a estratégia que vem sido bastante praticada no mercado, porque, com a venda das milhas, o cliente tem muito mais liberdade de compra e de escolha. As regras dos programas, os valores praticados e os prazos de vencimento podem comprometer os benefícios do usuário. Com a venda, tudo fica mais fácil!

Todo oprocesso de vendatambém é muito rápido e prático. Vamos explicar tudo, veja só!

O primeiro passo é encontrar uma empresa com tradição e confiança no mercado. Depois disso, é só entrar no site da empresa e fazer uma cotação. Você vai precisar responder a um formulário breve e informar a quantidade de milhas a serem vendidas. Depois você receberá uma resposta rápida por e-mail dizendo quanto suas milhas valem. Você também terá todas as instruA�A�es para continuar efetuando a transação de forma segura e tranquila.

Com o dinheiro em mãos, você faz o que quiser! Pode pagar contas, comprar produtos ou serviços ou até mesmo guardar na poupança para momentos de emergência. Dessa forma, a partir dos seus gastos cotidianos, você gera uma renda extra!

Quando é melhor vender as milhas?

Você poderá vender suas milhas em qualquer situação. porém, em alguns casos essa estratégia é ainda mais recomendada, como, por exemplo, quando suas milhas estão muito próximas da data de expirarem. Outro momento ideal para fazer a venda é quando você não quer não tem disponibilidade ou não pretende viajar.

Se você estiver passando por uma emergência e precisa de um dinheirinho, recomenda-se também que você venda suas milhas. é bem mais fácil e rápido que pegar dinheiro emprestado e correr o risco de ficar refA�m de juros e parcelamentos muito longos!

além dessas situações, você já sabe que vender as milhas também é mais indicado quando o valor em dinheiro de produtos e passagens aéreas for mais vantajoso que o valor em milhas. Nessas situações, você pode vender suas milhas e adquirir o serviço ou produto em questão com o dinheiro.

Isso ocorre muito com passagens aéreas: geralmente, o cliente vende suas milhas e com o dinheiro consegue comprar o bilhete para o mesmo trecho. Dessa forma, a quantia que sobra pode ser usada na própria viagem!

Como as milhas podem ser usadas durante a crise?

Como você já deve ter percebido, milhas sãosinônimo de dinheiro, e acumular não é difícil! Ao possibilitarem que os gastos cotidianos e diários sejam convertidos em fontes de lucro, os programas de milhagem despontaram-se como oportunidades bastante convenientes e atrativas. Por isso é que as milhas tem sido uma das saídas da crise encontrada por vários brasileiros.

Com o aumento de adeptos ao longo dos anos, os programas milhas tem ampliado sua rede de atuação e com isso diversos estabelecimentos varejistas, como farmA?cias, lojas de roupas, restaurantes, bares, supermercados e hotéis, oferecem milhas ao consumidor que optam por seus seus produtos. O que isso quer dizer? Que na rede parceira são oferecidas mais milhas e pontos ao cliente em relação aos outros estabelecimentos não fidelizados. E é aÉ que está uma grande oportunidade de lucros!

Mesmo em tempos de crise, alguns itens básicos não podem ser cortados; por isso, a melhor alternativa é priorizar a compra em estabelecimentos parceiros da rede e, com isso, acelerar o ganho de milhas. Assim, o hábito de comprar tornar-se mais lucrativo e não só dispendioso, como pode parecer a princA�pio!

Outra forma de utilizar as milhas e aliviar o orçamento do mês é no pagamento de contas e compras rotineiras. Pelo sistema de vale-compras, é possível completar o valor do pagamento em alguns supermercados, dependendo do seu tipo de programa de fidelidade, assim como fazer recargas em celulares, abastecer o tanque do carro ou dar revisA�es no veA�culo.

porém, em tempos de crise, nada como um bom dinheiro em mãos! é por isso que a maioria dos usuários tem visto na venda de milhas uma ótima saída para enfrentar os tempos difíceis da economia.

Após vender as milhas, com o dinheiro no bolso, a pessoa consegue administrar melhor a quantia sem muitas preocupações e aplicA?-la da melhor forma sem restrições de regulamentos. Um dinheiro a mais tira qualquer um do sufoco, não é mesmo? além disso, esse dinheirinho pode garantir a manutenção da qualidade de vida; afinal, mesmo no aperto, ninguém quer deixar de passar uns dias de descanso quando as férias chegarem!

Venda de milhas é uma atividade ilegal?

O que impede muita gente de vender suas milhas é a desconfiança na transação e na própria legalidade da prática. Por isso, é importante esclarecer de uma vez por todas quevender milhas é inteiramente legal. Não há nada de ilegal em todo o processo de compra e venda de milhas por parte de empresas e usuários finais. Todos, sem restrições, tem direito de negociar suas milhas conforme bem entenderem.

além de legal, essa não é mais uma proposta “furada” que promete salvações milagrosas. Vender milhas para empresas eficientes, como a HotMilhas, é uma prática de negociação financeira como qualquer outra, segura e sem muitas burocracias. Ao vender suas milhas, você obterá por elas um valor justo, sem complicações.

Para garantir ainda mais a sua segurança, a HotMilhas só extrai a pontuação do seu saldo após efetuar o pagamento de acordo com a cotação feita anteriormente. Assim, você recebe o dinheiro A�adiantado e sem nem sair de casa!

Embarcando nos programas de milhas e gerando dinheiro

Viu só como os programas milhas são uma alternativa para atravessar a crise econômica? Sabendo aproveitar, calcular e negociar, você garante um dinheiro a mais na conta para ajudar nas despesas ou realizar objetivos.

Recapitulando para você não perder a oportunidade: cadastre-se em um programa de fidelidade com o cartão de crédito e junto às companhias aéreas. Acumule milhas com suas compras e pagamentos cotidianos. Com as milhas acumuladas, troque por benefícios, que podem ser produtos, serviços ou o retorno em dinheiro a partir da venda. Não é promessa milagrosa, mas é bem simples e fácil de faturar!

Se a opção mais adequada para as suas necessidades for a venda de milhas, escolha a melhor empresa no mercado para realizar o serviço! A HotMilhas é especialista em comprar milhas Smiles, Avianca,A�pontos Multiplus e TudoAzul. A empresa atua com seu sistema online prático e seguro em todo o território nacional. Faça sua cotação!

E se você gostou dessas nossas dicas e quer saber mais sobre o mundo das milhas, acompanhe nossas redes sociais e fique por dentro das dicas financeiras que separamos para você!

Posts relacionados

Comentários (2)

Escreva seu comentário